terça-feira, 22 de maio de 2018

Maratona do Rio 2018 - Faltam 12 dias

A maratona do Rio esta chegando, com ela um turbilhão de possibilidades de performances nesta prova tão tradicional no atletismo nacional.
Meus indicadores não são dos melhores, em 2014 quando lá conquistei meu RP as condições físicas eram bem melhores, porém a imaturidade no início da prova me fez ter problemas no terço final da disputa fazendo que com que meu tempo fosse um pouco a quem do que eu poderia fazer naquele dia, agora, mesmo não estando em uma forma ideal saberei guiar meus passos de uma forma mais eficiente para quem sabe conseguir um novo RP.
Próximo sábado tem o último teste longo, não tão longo para que dê tempo de recuperação para a disputa, o certo e que a diversão esta garantida.
Vamos em frente. 

segunda-feira, 7 de maio de 2018

KTR Campos do Jordão - 2ª Etapa do Circuito Skyrace 2018

Galera deu trabalho em Campos do Jordão
Mais uma conquista nesta temporada, venci a prova média da KTR Campos do Jordão, foram 21 km com um pouco mais de 1500 metros de desnível positivo.
A disputa foi intensa, velocidade em alguns trechos e super travada em outros, meu duelo pela vitória durou até poucos metros da chegada mas no final deu tudo certo.
A KTR Campos do Jordão valeu também como segunda etapa do Circuito Skyrace na qual estou focado este ano, assim após este resultado acredito que assumirei a ponta desta disputa faltando ainda uma etapa para terminar.
Um muito obrigado pela torcida de todos.
O foco agora será a Maratona do Rio, tenho 4 semanas para ajustar o pace.

Bi campeão da KTR Campos do Jordão distância média

quinta-feira, 3 de maio de 2018

Corrida do trabalhador, um teste de velocidade

Número 62, top 5 do começo ao fim

Tradicionalmente no Brasil inteiro acontece eventos esportivos para comemorar o dia do trabalhador, neste 1º de maio não foi diferente.
Nos últimos anos eu não tenho competido nesta data mas devido a um excelente oportunidade me concedida pelos amigos da cronochip resolvi disputar a 6ª Corrida do Trabalhador aqui na cidade vizinha de Congonhas.
Um prova bem rápida com corredores muitos velozes devido a premiação em dinheiro, segui super tranquilo pois esta disputa não era uma prova alvo, apesar de cansando dos treinos do final de semana passado eu fui querendo muito mais afirmar para mim mesmo se eu ainda poderia ser veloz, acho que deu certo.
Em uma prova com pouco mais de 10 km (10.39 km) marquei 00:34:26" ou 03:19" por km, pra mim foi uma marca excelente pois não tenho feito trabalhos específicos para este tipo de prova sem contar que este pace foi um dos mais fortes que já fiz nos últimos anos.
Com esse tempo cheguei bem próximo do top 3, na verdade passei todo os 10 km disputando posições com mais dois atletas mas não final não suportei a aceleração deles.

 Pódio do TOP 5 no geral, olha eu ai

Erika, Ernani e Emerson

Mais dois Lafaietenses estiveram marcando presença no geral, Erika Maria foi simplesmente a campeã geral e Emerson Cirinho foi a pedra do meu sapato conquistando a 4ª colocação geral.
Fico muito feliz em ver os meus conterrâneos fazendo bonitos em provas de alto nível em especial o Emerson ue vem mostrando muita competência em provas rápidas com a de Congonhas, parabéns para nós e para todos os Lafaietenses que estiveram nos representando nesta bela vesta.
Próximo sábado tem pedreira, mais uma prova alvo deste primeiro semestre, Sexta feira sigo para Campos do Jordão onde irei disputar a abertura do Circuito KTR, por lá disputarei a distância média, serão 21 km com muita montanha pela frente, espero voltar para casa com um bom resultado.

segunda-feira, 26 de março de 2018

No mês de abril a chapa vai esquentar

Infelizmente no último final de semana 24 e 25 de março não consegui estar presente na APTR Ilha Grande competição que eu havia planejado é me preparado porém devido alguns problemas pessoais não consegui participar desta prova, peço desculpas aos organizadores, aos meus patrocinadores amigos é também as pessoas que esperavam me encontrar nas trilhas da ilha carioca.

O mês de março ainda não terminou mas eu já me encontro pensando em abril, logo ali esta um dos meus maiores desafios para o primeiro semestre, dia 07 irei formar novamente dupla com amigo Elson Gracioli para juntos defendermos a equipe gaucha Cia dos Cavalos em um um Revezamento Volta a Ilha, prova que como o próprio nome diz dá uma volta completa em torno da ilha ao todo serão 140 km divididos em 18 trechos onde iremos revezando ou não (depende da estratégia ) em busca do melhor tempo.
Em 2017 nós na pista além de uma equipe bem alinhada conseguimos não só a vitória mas o recorde do percurso para a categoria duplas, vamos ver o que iremos conseguir desta vez.


Na semana seguinte estarei em Araxá disputando a CIMTB, por lá farei duas provas o cross country night run que rola no sábado a noite é compreende uma volta correndo no circuito das bikes, já no domingo o tradicional xco.
Apesar de não estar focado nas bikes curto demais a prova de Araxá lá vale algum sacrifício para estar presente.

Por fim dia 22 de abril tem uma disputa praticamente no quintal de casa, em Ouro Branco iremos disputar a Maratona Internacional Estrada Real, uma prova de maratona de mountain bike com 70 km em uma região belíssima de Minas Gerais.
Vamos que vamos que o mês de abril será de grandes emoções.





segunda-feira, 19 de março de 2018

Avaliação física e meia de SP



Nos dias 10 e 11 de março estive em São Paulo para duas atividades, no sábado dia 10 reservei meu tempo para uma avaliação física na Carelab Trifosfato avaliação com supervisão do Doutor Gerson Leite que me acompanha desde 2015.
A avaliação foi proveitosa pudemos avaliar as informações fisiológicas para este período da temporada sendo que os números foram muito bons mas ainda com margem de melhora, um pequeno ajuste nos treinos me deixará em condições de brigar pelos primeiros lugares nas principais provas do ano que ainda estão por vir.
Já no domingo dia 11 aproveitei minha estadia na capital paulista para disputar a 12ª Meia Maratona Internacional de São Paulo uma excelente prova na qual eu já havia disputa em temporadas passadas, minha meta nesta disputa era uma só, um treino de qualidade com um olhar crítico pensando na preparação que venho fazendo para Maratona Cidade do Rio de Janeiro que acontecerá em junho, completei a meia maratona com tempo de 01:16:57" é com uma sensação de boa performance pois consegui fazer força durante todo o tempo sem ter perda de ritmo durante os 21 km da prova, penso que estamos no caminho certo para uma excelente maratona no Rio de Janeiro.
Com este tempo na prova paulista eu fiquei longe do meu recorde pessoal mas alcancei a 2ª colocação na categoria de 40 a 44 anos.
Sigo com os treinamentos focado nos grandes objetivos que terei ainda no primeiro semestre, dando sequência no calendário disputarei dia 24 de março a APTR Ilha Grande mais uma prova de 21 km porém desta vez irei explorar as belas trilhas da ilha carioca.
 Agradecimento especial aos meus patrocinadores Clube Recreativo Dom Pedro II, Kailash e Cia da Saúde Lafaiete além dos apoios de UPFIT Assessoria Esportiva, Carelab Trifosfato e TomTom.

quinta-feira, 8 de março de 2018

El Cruce 2018 - Carta 2 disponível

ESTIMADOS CORREDORES DO EL CRUCE 2018

Agradecemos a todos pelo grande interesse nesa nova edição.
Nos enche de orgulho que faltando um ano para o evento todas as vagas estejam esgotadas e mais de 2000 corredores formem parte da lista de espera... contenui lendo aqui

Avaliação física

 Aproveitando minha passagem por São Paulo no próximo final de semana, farei no sábado mais uma avaliação na Trifosfato, por lá quem me avalia e o Dr. Gerson Leite, vamos ver em que nível me encontro.